Nosso crescimento é o seu! E o seu sucesso é o nosso!

Rastreamento de cargas: veja tudo que precisa saber

Atuar com o setor de transporte de cargas carece de cuidados especiais, principalmente relacionado às mercadorias e risco de roubos e furtos. No entanto, existe um sistema que auxilia neste processo por meio da verificação e acompanhamento do trajeto do início à entrega ao destino final, conhecido como rastreamento de cargas. 

Dessa forma, atualmente diversas tecnologias foram desenvolvidas a fim de ajudar os profissionais a monitorar e tomar ações preventivas com relação à frota dos veículos. Com isso, facilita a identificação de possíveis problemas ocorridos e, que geralmente, geram prejuízos e influenciam na qualidade do serviço prestado.

Diante disso, para que possamos compreender melhor sobre este assunto, a seguir, explicaremos tudo que precisa saber sobre o rastreamento de cargas. Confira:

O que é rastreamento de cargas?

O rastreamento de cargas é uma ferramenta que integra o sistema de remessa de mercadorias com mecanismos estratégicos de uma empresa. Logo, entre os sistemas mais eficientes estão softwares e programas de redes, como por exemplo, SaaS (Software as a Service). 

Sendo assim, o rastreamento de cargas propicia acesso às rotas de transporte de toda frota em tempo real coletando informações fundamentais para o processo. Com as informações reunidas obtém controle administrativo e mantém o bom andamento de suas remessas. Além disso, os sistemas registram dados sobre produtos, percursos, cargas e destinos. 

Neste panorama, é efetuado uma avaliação sobre possíveis imprevistos que surgirem no meio do caminho, qual o tempo médio em que ocorreu o deslocamento, gastos com combustíveis, paradas feitas durante o trajeto e, sobretudo, se o motorista realizou a condução de maneira prudente.

Vale ressaltar que os sistemas mais avançados oferecem recursos adicionais, como envio de ocorrências diretamente para empresa e cliente, por exemplo. A partir disso, esse canal de comunicação garante maior eficiência e torna mais fácil as tomadas de decisões. 

Como é feito o rastreamento?

Geralmente as ferramentas que fazem o rastreamento são constituídas por mapas, operadoras móveis e comunicação por satélite, sendo o GPS, o sistema de posicionamento veicular mais utilizado. Dessa forma, possibilita o envio de dados exatos de localização de um determinado objeto móvel para um destinatário. 

O GPS funciona como rastreamento via satélite, no entanto, também pode ser feito pelo GPRS, isto é, por meio da rede de operadoras de telefones móveis. Em razão disso, o rastreamento é feito de modo integrado aos mapas digitais, os quais disponibilizam a visualização em programas administrativos, sendo ponto crucial para a otimização da frota, distribuição das cargas, dentre outros.

Como é feito a comunicação em programas de rastreamento 

A comunicação entre as equipes é outro fator considerável nos programas de rastreamento, o qual pode ser feito via satélite, rádio ou telefonia móvel. 

Neste sentido, a melhor e mais completa ferramenta é a telefonia móvel, visto que se destaca pela sua função e durabilidade, com coberturas disponíveis quase integralmente ao modal rodoviário, tornando a troca de informações mais eficiente e acessível. Além do mais,  é possível a instalação de uma estação que permita o uso de ramais, que possam ser acessados por qualquer dispositivo ligado à internet. 

Já a comunicação por rádio, não apresenta modelos de recursos integrados às ferramentas de rastreamento de cargas. De maneira geral, podem ser instalados como um sistema independente e acionado como base a partir de um aparelho de chamadas de voz.

Portanto, o rastreamento de cargas é uma estratégia efetiva, uma vez que facilita a adoção de práticas preventivas, além de avaliar a eficiência dos serviços prestados e garantir melhor comunicação dentro da empresa.

Dúvidas?
Entre em contato conosco